O Que É Mercado Financeiro? Para que Existe?

0
80

Última Atualização 20 de janeiro de 2022

CEBRASPE (2004):

QUESTÃO CERTA: Uma das razões pelas quais os mercados financeiros existem é a necessidade de as pessoas ajustarem seu consumo intertemporal.

IBADE (2020):

QUESTÃO CERTA: Mercado financeiro é, por definição, um ambiente de compra e venda de valores mobiliários, câmbio e mercadorias. A alternativa que apresenta um item caracterizado como mercadorias é: ouro.

CEBRASPE (2007):

QUESTÃO ERRADA: Nas bolsas de valores são negociados os títulos no mercado à vista e no mercado futuro, mas na Bolsa de Mercadoria e Futuros somente são negociados o mercado futuro.

A B3 negocia títulos no mercado à vista e no mercado futuro. Nas Bolsa de Valores são negociadas somente ações e na Bolsa de Mercadoria e Futuros são negociados os Derivativos através do mercado à vista, mercado futuro, mercado de opções e mercado de swap.

FUNCAB (2014):

QUESTÃO CERTA: Considerando que no Brasil o mercado financeiro é regulado, controlado e operado pelo Sistema Financeiro Nacional, assinale a alternativa correta: O Subsistema Operativo é composto pelas instituições financeiras públicas e pelas instituições financeiras privadas; executa as operações e faz o sistema funcionar e pode ser dividido em instituições financeiras bancárias e não bancárias.

Órgão normativo é o que regula e controla o subsistema operativo através de normas legais expedidas pelas autoridades monetárias, ou pela oferta seletiva de crédito levada a efeito pelos agentes financeiros. É constituído pelas instituições financeiras privadas ou públicas, que atuam no mercado financeiro. Determinam regras gerais para o bom funcionamento do SFN São exemplos de órgãos normativos o Conselho Monetário Nacional (CMN), o Conselho Nacional de Seguros Privados (CNPS), Conselho Nacional de Previdência Complementar (CNPC) As entidades supervisoras desenvolvem atividade complementar à realizada pelos órgãos normativos do SFN (Sistema Financeiro Nacional), sendo elas responsáveis pela supervisão das demais instituições que integram o sistema, ou seja, as instituições operadoras. Trabalham para que sigam as regras estabelecidas pelos órgãos normativos. Integram as entidades supervisoras: Banco Central do Brasil (BACEN), Comissão de Valores Mobiliários (CVM), Superintendência de Seguros Privados (SUSEP) e Superintendência Nacional de Previdência Complementar (PREVIC). as entidades operadoras, que são todas as demais instituições financeiras, monetárias ou não, oficiais ou não, como também demais instituições auxiliares, responsáveis, entre outras atribuições, pelas intermediações de recursos entre poupadores e tomadores ou pela prestação de serviços. Ex: Banco múltiplo Banco comercial Caixa Econômica Federal e outras caixas econômicas Banco de câmbio Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES Banco de desenvolvimento Banco de investimento sociedades corretoras de câmbio, bolsas de valores e outros.

 CEBRASPE (2004):

QUESTÃO ERRADA: Os mercados financeiros não proporcionam meios para a realização de testes adequados à tomada de decisões de investimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui