NAGS: princípios fundamentais e princípios durante auditoria

0
261

QUESTÃO CERTA: A respeito de entidades fiscalizadoras superiores (EFS) e da Declaração de Lima, julgue o próximo item. Na execução do escopo de uma auditoria do setor público, as normas aplicáveis são determinadas no momento em que o auditor define o objeto da auditoria que será realizada, diferentemente dos princípios fundamentais aplicáveis, que independem do contexto da auditoria.

A ISSAI 100 estabelece princípios fundamentais que são aplicáveis a TODOS os trabalhos de auditoria do setor público, independentemente de sua forma ou contexto.

Na questão o examinador disse que o escopo de uma auditoria governamental (decorrente do planejamento de auditoria onde especifica as metodologias que serão executadas) é diferente dos princípios fundamentais (gerais e amplos). Simples assim.

NAG = Normas de Auditoria Governamental. Complementando, acredito que a ISSAI 100, em seu ponto 34, ajuda a entender que os princípios gerais independem do contexto da Auditoria:

Advertisement

“34. Os princípios detalhados a seguir são fundamentais para a condução de uma auditoria. A auditoria é um processo cumulativo e iterativo. No entanto, para fins de apresentação, os princípios fundamentais são agrupados por princípios relacionados aos requisitos organizacionais das EFS, princípios gerais que o auditor deve considerar antes do início e em mais de um momento durante a auditoria e princípios relacionados com as etapas específicas do processo de auditoria.”