Depreciação método unidades produzidas

0
474

QUESTÃO ERRADA: Situação hipotética: Uma empresa adquiriu o equipamento industrial X, com vida útil estimada de 10 anos e capacidade de processamento de um milhão de peças. X custou R$ 350 mil e apresentou a produtividade de 80 mil peças no primeiro ano e 120 mil peças no segundo ano. No final do primeiro trimestre do terceiro ano de utilização de X, quando já haviam sido produzidas mais 40 mil peças, a empresa resolveu substituir esse equipamento por um mais moderno, tendo realizado a venda de X por R$ 270 mil. A depreciação de X foi calculada pelo método das unidades produzidas. Assertiva: Nessa situação, a empresa realizou uma perda com a baixa de X.

Vamos calcular a depreciação acumulada, pelo método das unidades produzidas.

Nessa questão você calcula o percentual de peças produzidas em relação ao total e aplica a depreciação em cima desse valor, da seguinte forma:

Advertisement

1) Depreciação = (peças produzidas/capacidade de processamento) * custo da máquina

Dep = (240.000/1.000.000) * 350.000 –> Dep = 0,24 * 350.000 –> Dep = 84.000

2) Valor do ativo = custo da máquina – depreciação

Vativo = 350.000 – 84.000 —> Vativo = 266.000

3) Como a máquina foi vendida por 270.000, mas valia 266.000, então houve um GANHO com a baixa de do equipamento X

80 mil + 120 mil + 40 mil = 240 mil peças produzidas.

Depreciação acumulada = total de peças produzidas / capacidade de processamento = 0,24 = 24%

Depreciação acumulada = valor original x = 350.000 x 24% = 84.000

Valor contábil = Valor original – Depreciação acumulada

Valor contábil = 350.000 – 84.000 = 266.000

Resultado da baixa = preço de venda – valor contábil

Resultado da baixa = 270.000 – 266.000 = 4.000

Portanto, houve um ganho de $4.000 com a baixa, e não uma perda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui