COSO: Monitoração dos Riscos Objetivos

1
119

QUESTÃO ERRADA: De acordo com as definições do COSO I (Committe of sponsoring organizations of the Treadway Commission), a monitoração de riscos em relação ao alcance de objetivos da entidade é dirigida apenas para riscos de origem financeira, não sendo um relevante instrumento de gerenciamento de riscos para subsidiar a governança corporativa.

“…Na esteira desses eventos, vieram solicitações de melhoria dos processos de governança corporativa e gerenciamento de riscos, por meio de novas leis, regulamentos e de padrões a serem seguidos. A necessidade de uma estrutura de gerenciamento de riscos corporativos”.

O COSO (comitê de organização patrocinadoras) é uma entidade do setor privado, sem fins lucrativos, voltada para o aperfeiçoamento da qualidade de relatórios financeiros por meio de implementação de controles internos e governança corporativa. O COSO definiu a metodologia de que o controle interno é um processo constituído de cinco componentes, que estão sempre presentes e interrelacionados. Os componentes são: ambiente de controle, avaliação de riscos, informação e comunicação, atividades de controle, monitoramento de controle.

Advertisement

(Livro: Davi Barreto e Fernando Graff- auditoria teoria e exercícios comentados – 2. ed. P 63)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui