COSO: estrutura de controle interno efetiva

0
228

QUESTÃO CERTA: Uma estrutura de controle interno efetiva em uma organização indica que ela identifica e trata, de maneira eficaz, os eventos externos que impactam o alcance de seus objetivos, o que faz que eles não gerem consequências significativas em seu funcionamento operacional ou que tenham reduzida sua probabilidade de ocorrer.

A realização de objetivos estratégicos e operacionais está sujeita à ação de eventos externos nem sempre sob o controle da organização; da mesma forma, em relação a esses objetivos, o gerenciamento de riscos corporativos é capaz de propiciar uma garantia razoável que a diretoria executiva e o conselho de administração, na função de supervisão, serão informados, no momento adequado, o quanto a organização está avançando na direção do atendimento dos objetivos.

COSO, Realização de Objetivos.

NORMA BRASILEIRA DE CONTABILIDADE – NBC TA 315, DE 24 DE JANEIRO DE 2014

Dá nova redação à NBC TA 315 que dispõe sobre a identificação e a avaliação dos riscos de distorção relevante por meio do entendimento da entidade e do seu ambiente.

Procedimentos de avaliação de riscos são os procedimentos de auditoria aplicados para a obtenção do entendimento da entidade e do seu ambiente, incluindo o controle interno da entidade, para a identificação e avaliação dos riscos de distorção relevante, independentemente se causados por fraude ou erro, nos níveis das demonstrações contábeis e das afirmações.


Processo de avaliação de risco da entidade 

3. Para fins de demonstrações contábeis, o processo de avaliação de riscos da entidade inclui a maneira como a administração identifica riscos de negócio relevantes para a elaboração de demonstrações contábeis em conformidade com a estrutura de relatório financeiro aplicável à entidade, estima a sua significância, avalia a probabilidade de sua ocorrência e decide por ações para responder e administrar tais riscos e os resultados dessas ações. Por exemplo, o processo de avaliação de riscos da entidade pode tratar como a entidade considera a possibilidade de existência de transações não registradas ou identifica e analisa estimativas significativas registradas nas demonstrações contábeis.

Advertisement

QUESTÃO ERRADA: Em uma estrutura de controles internos efetiva, cada componente funciona de forma independente dos demais componentes, tendo em vista que cada um tem seus objetivos específicos e seu campo de atuação bem delimitado.

Para que a estrutura de controles internos seja eficaz e efetiva, todos os componentes de controle interno devem operar em conjunto, de forma integrada. (COSO).

O sistema de controle interno não é um processo em série pelo qual um componente afeta apenas o próximo. É um processo multidirecional e interativo segundo o qual quase todos os componentes influenciam os outros.